América do Sul,  Brasil,  Curitiba,  Paraná,  Sem categoria

O que fazer em Curitiba: 4 dias na cidade, o que dá para conhecer?

Está vindo para Curitiba e agora ficou na dúvida se terá coisa suficiente para fazer na cidade? Calma, tem sim. Tem bastante coisa por sinal! A saber, vamos te mostrar várias opções de passeios. Aliás, com uma possibilidade de bate-e-volta. Vamos logo começar esse “O que fazer em Curitiba”.

O que você encontrará no texto?

  • Quais bairros ficar em Curitiba?
  • O que fazer em Curitiba?
  • Onde comer em Curitiba?
  • Bate e volta: Morretes

Quais bairros ficar em Curitiba?

Acho que essa sempre será a pergunta que mais nos farão. Aliás, se você não nos segue no Instagram, corre lá que sempre mostramos coisas de Curitiba. Enfim, existem vários bairros muito bons por aqui, mas claro que eu vou te indicar aqueles que a sua locomoção será melhor. Dessa forma, você conseguirá ver a cidade, sem precisar ficar muito tempo no ônibus/Uber.

Água Verde

Começarei com o bairro que acho mais recomendável para você viajante. O Água Verde é um bairro bem conhecido na cidade, pois, nele você consegue se locomover com o Biarticulado (o ônibus vermelhão) até o centro da cidade. Ainda, consegue ir a pé (dependendo de onde você se hospedou, claro) até a Avenida do Batel. Sim, a tão movimentada e cheia de casas noturnas. Ademais, é nesse bairro também onde está uma das praças que eu mais gosto! Amo demais a Praça do Japão, seja pela sua calma ou pelas cerejeiras maravilhosas.

o que fazer em Curitiba. praça do japão
Praça do Japão no inverno com direito a cerejeiras!
agua verde curitiba
Água Verde e o cemitério Água Verde ao fundo

Igloo: que é residencial e você fica hospedado pela plataforma do Booking, mas como se fosse Airbnb hehe.  Mercure: rede conhecida e muito boa, fica super perto da Praça do Japão e da Avenida do Batel (perto, mas não no burburinho). Adagio: Esse é um apart-hotel, ele é muito bonito e também fica bem localizado.

Batel

Como disse ali, o Batel é um bairro bem movimentado! Se você curte festa e badalação, recomendo que você fique nessa região.

o que fazer em Curitiba. batel
Região do Batel. A linha vermelha é a avenida Visconde de Guarapuava. A amarela, Sete de Setembro.

Bourbon: Rede grande e conhecida por aqui. Os quartos são bem espaçosos e você ficará localizado na Visconde de Guarapuava. Uma ótima localização. IbisRede Ibis, conhecida mundialmente. Já filmamos um Ibis em Barcelona, os quartos são sempre iguais. Ou seja, você já sabe o que esperar, nós, particularmente gostamos. Quality: Também uma boa região para ficar. Dali você tem como ir para o Shopping Pátio Batel, ou para o Shopping Curitiba (tudo a pé).

Centro

Centrão da cidade. Dali saem muitos tours de passeios. Aliás, é ali na região que tem a Rua das Flores, um dos cartões postais da Cidade. Além do mais, tem a Rua 24 horas, que fica linda nas épocas festivas! Passeio Público, Praça Tiradentes. Vixi! Tem tanta coisa no centro, que olha, dá para ficar apenas um dia por ali.

Ibis: Gosto de indicar o Ibis em qualquer localidade. Ele é fácil de se adaptar e você já sabe o que esperar. Slaviero: Esse hotel fica bem próximo da Praça Osório, onde ocorrem feiras livres e tem vários pastéis e caldo de cana bons. Bourbon: Já indiquei outro Bourbon por aqui. Esse fica bem próximo da Praça Tiradentes. Tem um tour de comida que faz essa região. Por aqui, eu não recomendo que você saia para caminhar de noite. Portanto, fique nessa região se você for daqueles que volta e dorme.

o que fazer em curitiba. centro da cidade
Vista do Centro da cidade. A avenida em destaque é a Mariano Torres à esquerda e Rua Tibagi à direita

O que fazer em Curitiba: Primeiro dia na cidade

Agora sim o que fazer em Curitiba por completo. Você deve ter chego na cidade nesse dia, então, já levarei em conta que esse primeiro dia não é completo. Caso seja, não tem problema, você verá muitas opções do que fazer por esse texto.

Comece conhecendo os clássicos da cidade. Sendo assim, quando chegamos em uma nova cidade a gente sempre quer ver o principal primeiro né? Então, eu sei que você também quer ver dessa forma. Recomendo que dê uma caminhada pela rua das Flores. Ela começa na Boca Maldita (próximo da praça Osório) e se estende até a Universidade Federal do Paraná. Ela foi a primeira grande via pública exclusiva para pedestre do Brasil! Todo curitibano já andou por ali e/ou anda, pois, tem muito comércio na região.

Onde comer nesse primeiro dia?

Se você estiver com fome, coma na Confeitaria Dois Corações. A coxinha deles com catupiri é uma delícia! Aliás, coxinha é algo que curitibano curte viu. Temos até briga quanto a isso. Eu acho a melhor a dos Dois corações. Contudo, o prêmio do ano passado( 2019), foi para o Postos Pelanda (leia aqui no Bom Gourmet. Eu provei a do Pelanda e a minha estava congelada no meio. Você acha que eu estou brincando? Que nada, tem disputa de prêmio mesmo.

O que mais dá para fazer?

Eu recomendo que você faça um passeio de bicicleta. Caso no primeiro dia você ainda tiver gás para gastar, então, qual o motivo de não dar uma pedalada pela cidade? Você pode fazer, seguindo o roteiro que fizemos no vídeo abaixo. Ou então, participando de algum tour de Bike pela Cidade. Tem vários viu, só pesquisar.

Aliás, andar de bike em Curitiba é uma boa opção!

E nessa primeira noite, dá para sair?

Opa. Claro que dá! Se você for baladeiro(a), que tal conhecer as baladas da Avenida do Batel? São várias, para todo o tipo de gosto musical possível. Tem bares, assim como casas de festas. Ficará a seu critério escolher qual a que você mais se encaixa. Ou até nem se encaixa, que tal se aventurar um pouco?

Agora se você quer sair, mas não é assim uma pessoa tão de balada. Recomendo o Tour de boteco a noite. Já escrevemos sobre ele aqui no blog. É uma ótima forma de fazer novas amizades, comer comida boa e tomar muita cerveja (ou drinks) das casas.

Segundo dia em Curitiba

Nesse segundo dia, eu vou te indicar o ônibus de Turismo da cidade. Nós já mostramos em vídeo.

Assim como, já escrevemos sobre ele aqui no blog. Por que indico esse passeio? Bem, você conseguirá ver todos os pontos turísticos da Cidade em uma cacetada só. Ele passa por quase todos os parques da cidade e, com isso, você vai adorar o passeio. Uma dica: aproveite para almoçar em Santa Felicidade. Esse bairro é conhecido pelos seus restaurantes. Você vai ficar encantado com tudo por ali.

Terceiro dia em Curitiba: um bate e volta até Morretes

Nesse seu terceiro dia em Curitiba, te recomendo um bate e volta para Morretes. Morretes é uma cidade próxima a Curitiba, onde você irá passear de trem. O tão famoso trem que desce/sobe a serra do mar. Aliás, é em Morretes onde você comerá um prato típico do Paraná, o barreado.

Uma DICA importante: Eu recomendo que você desça de trem e suba de van/ônibus. Há a possibilidade de fazer o contrário, contudo, a subida de trem demora bastante. Então, se puder e quiser, melhor descer de trem e subir mais rápido.

Quarto dia em Curitiba: vamos passear pela cidade?

Estou levando em consideração que você tem o quarto dia inteiro na cidade. Assim, caso não tenha, recomendo que se atente aos horários para não perder seu voo, combinado? Nesse quarto dia, eu quero que você saia daqui com aquela sensação doce de ter conhecido Curitiba. Para isso, já marque um Tour de Doces pela Cidade. Nós já fizemos dois, um que filmamos e outro que está escrito por aqui.

Aliás, não deixe de checar o vídeo que fizemos também! 😀

Esse tour te leva a conhecer muitas confeitarias e docerias do bairro escolhido. Ademais, é algo legal de se fazer e sem sombra de dúvidas você fará amizades. Esse tour começa de tarde (a maioria).

Um café da manhã pra chamar de seu

Para o seu período da manhã, que tal tomar um café com brownie na PerTutti? Ou uma broa especial no Marcolini? Ou quem sabe até um café no meio das plantas no Botanique Café Bar. São várias opções que você pode adorar conhecer.

o que fazer em curitiba. marcolini
A proprietária do Marcolini no Tour de Doces por Curitiba. À propósito, não deixe de provar essas broinhas
  • Caffè Per Tutti – Alameda Dr. Carlos de Carvalho 625
  • Fabiano Marcolini Alimentari – Alameda Dr. Carlos de Carvalho 1181
  • Botanique Café Bar – Rua Brigadeiro Franco 1193

A cidade das Feirinhas de rua

Depois disso você pode revisitar o que mais gostou, ou então conhecer alguma Feira da Cidade. Sim, Curitiba tem aproximadamente 38 feiras livres diurnas. Para você verificar qual o dia da semana e qual a localização, clique aqui.

Conhecer o Centro Histórico da Cidade

Ou quem sabe você possa caminhar e conhecer o Centro Histórico de Curitiba. Se for ao Domingo tem a tão famosa feirinha do Largo da Ordem. No restante dos dias, não tem feira, porém você encontrará vários museus e conhecerá um pouco do Centrão histórico da Cidade. Você pode até verificar se não tem nenhum tour do Airbnb por essa região.

  • Lembrando que caso seja a sua primeira vez usando o Airbnb, você ganha desconto tanto na hospedagem, quanto na experiência (Tour).
  • Para o desconto, clique aqui.
  • Para ver as possibilidades de passeios ou experiências no Airbnb (A propósito, tem várias em Curitiba), clique aqui.

Momento de fazer compras

Agora se a sua praia é fazer compras, aí eu te recomendo alguns shoppings.

Pátio Batel: novo e cheio de grifes

Shopping Curitiba: tradicional shopping da cidade

Shopping Estação: também tradicional. Aliás, nele, no seu segundo andar tem um teatro. Vale a pena dar uma passadinha por lá e ver se tem algo que você queira/goste em cartas.

Shopping Barigui: esse um pouco mais afastado do centro. Fica ao lado do Parque Barigui e também é um shopping legal de conhecer. Aliás, bem do lado dele tem um Sam’s Club, já comentamos sobre aqui no blog.

o que fazer em curitiba. shopping barigui
Shopping Barigui, a propósito, rodeado de bastante verde!

Em se tratando de compras, Curitiba conta com uma rua “especializada” em calçados. A rua Teffé que fica no bairro Bom Retiro. Em outras palavras, várias lojas de calçados uma do lado da outra. Caso tenha interesse, vale a pena conferir!

O que fazer em Curitiba?

Viu como tem bastante opção de coisas pra se fazer na cidade? Sem dúvidas, Curitiba é bem grande e você pode desbravá-la por partes ou como um todo. Além disso, se você tiver um pouco mais de tempo, dá para fazer uma parada na Ilha do Mel. Fica no Litoral do Paraná e é uma ilha linda e bem pouco habitada. Ou então, dar uma esticada e ir até as Praias de Matinhos, Guaratuba ou Shangri-lá.

Entretanto, se praia não é a sua, você pode passar dois dias no Hotel Itaytyba, que fica em Tibagi, a mais ou menos 220 km de Curitiba. Lá, você terá contato com a natureza, poderá fazer um passeio de cavalo e, posteriormente, tomar um café da manhã tropeiro.

Ainda, poderá fazer a rota do Vinho por São José dos Pinhais, cidade próxima (e é a cidade onde está localizado o Aeroporto Internacional de Curitiba). Sim, por aqui tem uma rota do vinho e você conhece um pouco das vinícolas do Paraná.

Viu como ainda tem muito o que fazer em Curitiba! Assim sendo, se você tem alguma dúvida ou até alguma dica de passeio, comente aí embaixo. Contribua para que mais pessoas conheçam Curitiba. 

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: